Escolha uma Página

Na maioria das vezes, a palavra ‘’filho’’ usada no Novo Testamento vem de duas palavras gregas: teknon e huios. Uma boa definição para a palavra teknon é ‘’aquele que é filho meramente por nascimento’’

Quando seu filho nasceu (ou quando nascer), ele não pode ser idenificado no berçário, enquanto está com os outros recém-nascidos, pelo comportamento ou traços de personalidade. Quando recebe visitas, amigos e familiares conseguem o identificar por causa do nome escrito na placa do bercinho.  Esse bebê é considerado então um teknon.

A outra palavra que traduz filho no Novo Testamento é huios. Ela descreve ‘’aquele que pode ser identificado como filho porque apresenta caráter ou características de seus pais’’.

Depois que seu filho começa a crescer, ele começa a se parecer com você. Algumas características passam desapercebido pelos próprios pais, mas sempre tem alguém íntimo, seja avós, tios ou até amigos, que apontam suas características em comum.

A verdade é que quando as qualidades de seu filho são reconhecidas e, principalmente são atribuídas a você, o orgulho é tão grande que mal cabe no peito. Da mesma forma acontece com Deus. Quando a Palavras nos diz que somos ‘’imagem e semelhança’’, isso quer dizer que temos atributos do Pai- alguns  já existentes, enquanto outros precisarão ser cultivados e aparecerão conforme nosso amadurecimento.

Sabemos que o nosso Pai celestial é perfeito e, por isso, cada vez mais podemos buscar pela  melhora e amadurecimento espiritual para que nossas semelhanças sejam cada vez maiores. Nossas oportunidades de encher o coração de Deus de alegria nunca acabam.

  • As pessoas ao seu redor identificam sua filiação divina através do seu comportamento e caráter?

Escrito por: Nicolle Litwinczuk

Fonte: Livro – A isca de Satanás