Escolha uma Página
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é arte-app-1024x256.png

1 João 2:15 – Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele.

O mesmo Apóstolo que nos revelou João 3:16. Quando nos escreve sua Primeira Carta adverte-nos: “Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele” (I João 2:15).

O contexto bíblico usa a palavra “mundo” com mias de um significado. Em João 3:16, o texto afirma o amor misericordioso do Criador para com suas criaturas. “Mundo”, entretanto, no capítulo 2 de I João é um termo usado para descrever aquilo que não concorda com a vontade do Criador e que não aceita a soberania do Senhor. Amar este tipo de mundo é assumir inimizade contra Deus.

Cristãos que lêem a Bíblia sabem muito bem que o mundo odeia o Senhor. Só que, às vezes, as necessidades e as exigências desta terra são tão pesadas que, para satisfazê-las, nos afastamos um pouco do Senhor. E é neste pequeno afastamento que, aos poucos, enveredamos para grandes afastamentos. Quando isso acontece, o Inimigo nos recompensa com agradáveis presentes do mundo. Neste ponto, sem perceber, as coisas agradáveis do mundo passam a ser coisas amáveis do mundo. E, se não fora pela misericórdia do Senhor, fazendo-nos perder os subornos do mundo, insidiosamente dados por Satanás, nossa vida cristã viraria uma tragédia. Somente o amor do Senhor nos liberta do fundo do nosso poço. E nós O amamos, porque Ele continua nos amando primeiro.


Pr. Olavo Feijó – AMOR EM CRISTO